Carregando...
Enviando...
INSTITUTO CENTRO DE CAPACITAÇÃO E APOIO AO EMPREENDEDOR
Data: 24 de Março de 2017

Voltar

Governo de Minas Gerais vai acelerar abertura de empresas no estado

*Empreendedora durante a 26ª edição da Feira Nacional de Artesanato (FNA)

Abrir um negócio em território mineiro não é mais tarefa de alguns meses com idas e vindas a muitos órgãos. O Governo do Estado, por meio da Junta Comercial do Estado de Minas Gerais (JUCEMG), está simplificando cada vez mais o processo, cujo tempo médio chega a sete dias e, em alguns casos, apenas três dias, após a implantação do registro digital.

A rapidez na abertura de empresas tem colocado Minas Gerais em uma posição de vanguarda no Brasil. Contudo, para melhorar ainda mais a integração e o ambiente de empreendedorismo, a JUCEMG e o Sebrae Minas propõem levar o projeto Sala Mineira do Empreendedor a 300 cidades com a parceria das prefeituras municipais.

Para isso, esses parceiros se reúnem em Montes Claros dia 29 de março no “Encontro de Prefeitos”, com administradores de 85 cidades da região. É a primeira grande mobilização para mostrar aos novos gestores a importância de facilitar o desenvolvimento econômico e social com ações conjuntas, por meio da Sala Mineira do Empreendedor. Haverá, no mesmo espaço, todos os serviços da JUCEMG e os produtos do Sebrae, capacitações e eventos.

Esse trabalho de facilitar a vida do cidadão que quer empreender se dá a partir da disposição do Governo Estadual e da assinatura do Termo de Cooperação Técnica que visa à implantação da Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim). Alguns territórios de desenvolvimento já em Salas do Empreendedor em funcionamento. Alto Jequitinhonha (Diamantina), Oeste (Divinópolis), Caparaó (Ponte Nova) e Triângulo Sul (Uberaba).

Centralização que ajuda

As salas surgem para retirar obstáculos que dificultam a vida de quem empreende ou pretende empreender. Elas vão fornecer informações úteis ao empreendedor, serviços diferenciados e proporcionar maior rapidez na abertura de um novo negócio. Cássio Duarte, analista do Sebrae, explica:

“As ações para registrar empresas no Brasil não priorizam o empreendedor, que precisa da liberação de órgãos como junta comercial, cartório, prefeitura e Corpo de Bombeiros. Enquanto esses trâmites não se resolvem, ele pode ficar meses pagando aluguel com as portas fechadas.”

Com o novo alinhamento e cooperação técnica, a Sala Mineira do Empreendedor se torna realidade nos municípios com a parceria entre JUCEMG, Sebrae Minas e prefeituras. A JUCEMG, entre outras responsabilidades, se encarregará de capacitar os servidores sobre registro empresarial.

O Sebrae Minas cuidará, por exemplo, da identidade visual e da gestão das Micro e Pequenas Empreas (MPEs). Já a prefeitura disponibilizará o espaço físico e os recursos humanos. A atuação nas Salas do Empreendedor será embasada em três pilares: orientações e informações, serviços e capacitação.

Segundo o técnico da Jucemg, Gabriel Tavares, celeridade e eficiência são os preceitos pelos quais serão conduzidas as Salas Mineiras do Empreendedor. Segundo Tavares, a junção de forças visa, acima de tudo, desburocratizar a abertura de novos negócios.

“Hoje, o sistema de regularização de empresas pelo Minas Fácil permite o registo de uma empresa no tempo médio de sete dias.”

Apoio à cultura empreendedora  

Diante desse contexto, o Centro CAPE acredita que este é o momento certo para que o profissional repense sua carreira e invista em capacitação de qualidade. Identificar as principais competências, aptidões e considerar a possibilidade de tempo, energia e recursos em uma atividade autônoma é parte fundamental do processo de abertura de qualquer negócio.

Os cursos e projetos do Instituto Centro de Capacitação e Apoio ao Empreendedor (Centro CAPE) funcionam como uma pré-aceleração de ideias de diferentes estágios para pessoas que querem empreender iniciativas como forma de crescimento profissional. São mais de 100 cursos desenvolvidos através de metodologias inovadoras que compreendem as áreas de educação empreendedora e o segmento artesanal.

Essas são oportunidades presenciais e à distância para quem deseja ter um novo olhar sobre si e as formas de empreender, além de ter acesso aos cursos que validam e alavancam iniciativas empreendedoras.

 

 

Serviço:

Encontro de prefeitos do Norte de Minas – Montes Claros/MG

Apresentação do projeto Sala Mineira do Empreendedor

Data: 29 de março, quarta-feira.

Horário: 9h

Local: Auditório da 11ª. Região Integrada de Segurança Pública (RISP)

Av. Major Alexandre Rodrigues, 301, Ibituruna

Informações: (38) 3224.7350 (Sebrae Minas – Montes Claros)